Instituto Lula

Menu

Caravana para cidades e cidades param caravana

31/08/2017 10:54

Parada da caravana em Cedro (CE), localidade que não fazia parte do cronograma oficial. Foto: Ricardo Stuckert

A caravana Lula pelo Brasil, que tem cruzado o sertão nordestino, mudou a rotina de dez cidades do interior do Ceará, nesta quarta-feira (30).

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva saiu, por volta das 10 horas da manhã, da cidade de Quixadá rumo a Juazeiro do Norte. O deslocamento de menos de 400 quilômetros, que deveria ser feito, normalmente, em cerca de 5 horas, levou mais de 9 horas para ser completado.

Isso porque o dia inusitado contou com paradas da caravana por dez cidades cearences. Saindo de Quixadá, Lulaparou na usina que fica no município de Juatana, e também desceu do ônibus em Banabuiú, Solenopole, Vila São João de Solenopole, Quixelô, Iguatu, Cascudo e Cedro. No destino final do 14º dia de caravana, o ex-presidente participa de ato em Juazeiro do Norte.

Em todas as cidades, ele foi recebido por multidões que estavam há horas aguardando pelo ex-presidente. As pessoas das regiões saíram do trabalho, das escolas e deixaram os compromissos de lado por apenas um motivo: ver Lula passar.

Em muitos destes municípios, o povo nunca imaginou ver de tão perto o ex-presidente, chamado, por diversas pessoas, de “pai do povo”.

As paradas fora do cronograma oficial da caravana resultam em muita emoção, abraços e recados de gratidão ao ex-presidente Lula.


Lula é recebido pelo povo de Iguatu (CE). Foto: Ricardo Stuckert

Nesta quinta, a Agência PT conversou com diversas pessoas emocionadas por ver de tão perto o ex-presidente. Uma delas foi a senhora Josefina Pinheiro, que disse ter um sonho: tirar uma foto com Lula.

“O meu prazer seria dar um abraço nele. Ele já fez muita caridade ao meu povo, queria agradecer a ele pelo que ele fez pela minha família e para tudo. Tenho vontade de ver ele e dar um abraço nele”, contou, em Cedro.

Dona Otacília recebeu Lula literalmente na porta de casa, onde ela estava sentada desde as 10 horas da manhã aguardando pela chegada do ex-presidente.

“Eu fazia campanha para comprar bandeiras para ele no primeiro ano de campanha, Agora os poderosos querem derrubá-lo. Faz três dias que eu não me levantava e hoje eu me levantei, de muletas, para ver Lula”, emocionada ao escutar a voz do petista.

Nicélia estava no trabalho, acompanhando toda a viagem na estrada por meio das redes sociais, e aguardando a chegada de Lula a Cedro para ver de perto o ex-presidente.

“É muita emoção, nunca aconteceu ter um presidente que gosta tanto do povo nordestino na minha cidade. Somos muito gratos por tudo que ele fez pelos nordestinos, pelos estudantes e pela classe popular, as pessoas que realmente precisam de Lula.”


Povo de Banabuiú (CE) recebe Lula e sua caravana. Foto: Ricardo Stuckert

Em todos os estados por onde passou, o ônibus de Lula foi abordado nas estradas, por onde precisou parar, inclusive, quando as pessoas fechavam as pistas para vê-lo de perto.

Em alguns municípios, as pessoas fizeram corredores para a passagem de Lula. Em outras, os diretórios organizaram carros de som e palcos para que o povo pudesse ver e ouvir melhor as palavras do ex-presidente.

Por Mariana Zoccoli, enviada especial ao Nordeste com a caravana Lula pelo Brasil, para a Agência PT de Notícias