Faça parte. Contribua

Vamos juntos manter o Instituto Lula em atividade neste primeiro semestre de 2018

Participe

Instituto Lula

Menu

Lula faz parte de grupo “fundamental” para integração do continente, diz reitora da Universidade de Lanús

21/05/2013 12:06

Na última sexta-feira (17), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu oito títulos de doutor honoris causa, em Buenos Aires. Ana Maria Raramilho, reitora da Universidade Nacional de Lanús, única mulher entre os reitores presentes, contou que Lula foi escolhido por seu importante papel em prol da integração latino-americana.

A reitora explica que Lula faz parte de um grupo de políticos que foram figuras fundamentais para o modelo amplo de integração latino-americana para o qual caminhamos. Ao lado do brasileiro, ela citou o argentino Néstor Kirchner, Hugo Chávez, da Venezuela e "Pepe" Mujica, do Uruguai, que também já recebeu o honoris causa da Universidade de Lanús.

Raramilho revelou que a Universidade de Lanús tem especial ligação com o tema da integração. "Acreditamos que uma nação é muito mais que um mercado". Ela contou ainda que a universidade busca a descolonização cultural. A Universidade de Lanús, privilegia o uso de autores latino-americanos como referenciais. "A integração latino-americana é um dos valores que temos", afirmou. Ana Maria se diz contra o ensinamento de receitas prontas, como as do Fundo Monetário Internacional, que "tanto mal nos fizeram".

Para Ana Maria Raramilho, outro motivo da escolha de Lula para o título foi a política de acesso à universidade em seu governo. Ela conta que, na Argentina, desde 1949, por decisão do então presidente Juan Domingo Perón, as universidades são públicas. Essa democratização do acesso à educação é crucial, defende ela.

A reitora lembra ainda que uma camiseta de Lula lhe serviu de inspiração: "Eu o vi na sua primeira campanha com uma camiseta que dizia 'Eu posso, você pode, nós podemos'. Acredito que todos os latino-americanos podem", finaliza.

Leia também:
Lula recebe oito títulos honoris causa na Argentina