Faça parte. Contribua. Aprenda.

Contribua e aprenda com grandes intelectuais.
Doe R$ 200 ou mais e ganhe um curso. — Professor do mês: Emir Sader.

Instituto Lula

Menu

"Nenhum poder desse mundo me impedirá de confiar em Lula"

31/08/2018 09:42

Foto: Juca Varella

Do lula.com.br

Ex-presidente do Partido Social-Democrata da Alemanha e ex-presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz visitou o presidente Luiz Inácio Lula da Silva na tarde desta quinta-feira (30/08), em Curitiba. Na saída da Superintendência da Polícia Federal, ele afirmou que as eleições que se aproximam não são apenas importantes para o Brasil e a América Latina, mas para o mundo todo. “A questão que se coloca é a seguinte: será que é possível fazer do Brasil de novo um motor da democratização do mundo inteiro?”

Schulz disse que não compete a ele  proferir um juízo sobre a justiça brasileira, “mas a situação no país joga luzes de dúvida sobre esse processo”.  E completou: “creio que o Brasil está muito bem orientado e deveria cumprir a determinação da ONU. Nenhum poder desse mundo poderá me impedir de confiar nesse homem”, lembrando que tem com Lula um grande histórico de cooperação, como presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, presidente do PT e como presidente da República. 

O alemão disse ter ficado impressionado com Lula, “esse homem corajoso, combativo e otimista e como ele está resistindo a essas circunstâncias desfavoráveis”.

Ao lado de Schulz, Fernando Haddad, candidato a vice de Lula e seu porta-voz,  afirmou que a manifestação da ONU deflagrou um processo que já vinha acontecendo aqui e fora do país. “As pessoas que acompanham o Brasil já haviam se sensibilizado com toda essa situação, mas depois da chancela da ONU, esse processo ganhou uma legitimidade muito maior. E eu tenho a certeza que só tende a crescer, sobretudo se as autoridades brasileiras a desrespeitarem”.