Faça parte. Contribua. Aprenda.

Contribua e aprenda com grandes intelectuais.
Doe R$ 200 ou mais e ganhe um curso. — Professor do mês: Emir Sader.

Instituto Lula

Menu

"Resistência de Lula vem da alma"

15/01/2019 02:55

Foto: Claudio Kbene

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu nesta segunda-feira (14) a visita de Antônio Caetano de Paula Junior, conhecido como Pai Caetano de Oxóssi. Após o encontro, o líder religioso falou à Vigília Lula Livre sobre a visita, a terceira desde que Lula foi preso.

“Em um momento de injustiça em que nós nos deparamos com essa situação arbitrária, que hoje completa 283 dias, esse líder nos oferta o exemplo de nunca se curvar à injustiça. Nunca esquecer aqueles que precisam de ajuda. Lula nos inspira a buscar o que temos de mais valoroso, que é a solidariedade. E que a solidariedade seja a principal forma de vermos o mundo”, afirmou.

Aos apoiadores do ex-presidente, Pai Caetano lembrou o legado de Lula no combate à desigualdade social e na luta por uma país mais justo. “Tenho a convicção de que Deus escolhe determinadas pessoas na terra para nos brindar com esperança e muitas vezes com exemplos. Essa liderança surge do Nordeste brasileiro de um homem de uma família pobre, que luta sua vida inteira para alcançar um horizonte e, alcançando, transforma aquilo que seria um alcance individual em um exemplo de vida. Quando nós tivemos essa visão empática com as pessoas que passam dificuldade de Norte a Sul do país?”, questionou o pai de Santo.

Perguntado sobre o estado emocional e psicológico de Lula, preso político há nove meses, o umbandista afirmou ter encontrado um homem firme e resiliente. “Senti que ele está muito convencido do papel histórico dele. A liberdade não virá sem muita luta, sem muita resistência. Às vezes resistir é algo que extrapola a razão, vem da alma. Que a gente possa ter essa grande força para resistir não só por uma pessoa, mas por uma grande causa que é um Brasil justo e livre”, disse.

Assista: