Instituto Lula

Doe agora
Menu

Comitês avançam na defesa de Lula no 4º Mutirão

30/08/2019 10:24

Foto: Reprodução/Comitê Lula Livre

Comitês Lula Livre em todo o Brasil se preparam para o 4º Mutirão Lula Livre, que acontece este fim de semana, nos dias 31 de agosto e 1 de setembro. Voluntários vão às ruas para combater mentiras e esclarecer as inconstitucionalidades dos processos jurídicos contra Luiz Inácio Lula da Silva.

No site oficial da campanha é possível encontrar e baixar jornais, vídeos, entrevistas, fotos entre vários outros materiais para subsidiar o trabalho dos voluntários (baixe aqui).

O objetivo da Campanha Nacional Lula Livre, que organiza o mutirão, é denunciar que o ex-presidente é um preso político, vítima de um processo mentiroso e sem provas.

O evento é realizado uma vez por mês, sempre no último fim de semana. As ações variam de formato em cada lugar porque são os comitês locais que propõem as atividades. A campanha Lula Livre propõe atravessar a polarização e promover o diálogo que é a melhor ferramenta para combater a desinformação que ronda boa parte dos brasileiros.

Com o passar do tempo e as contínuas revelações sobre as relações promíscuas entre os integrantes da força-tarefa da Lava Jato pelo Intercept Brasil e veículos parceiros, fica mais e mais evidente que a operação foi colocada em curso por um grupo com interesses políticos e que defende os interesses de alguns grupos econômicos.

Segundo Rosane Silva, do Comitê Nacional da Campanha Lula Livre, a 4º edição do mutirão ainda mantém o foco no abaixo assinado, que para ela é o instrumento central para dialogar com o povo, bater de porta em porta, falar sobre o sentido político da prisão do presidente. “Queremos neste final de semana coletar milhares de assinaturas, pois só com muita luta e mobilização  do povo iremos libertar Lula. E a liberdade de Lula, significa um país com dignidade, com direitos pro povo trabalhador, com soberania e direitos democráticos”, finaliza.

Do Comitê Lula Livre